Cooperativa Rizícola Pitangueiras Ltda

Capivari do Sul, 22/04/2024
  • LinkedIn
  • LinkedIn
  • LinkedIn
  • LinkedIn
Notícias

Venezuela lidera as importações de arroz do Brasil

por | dez 31, 2019 | Destaque, Notícias | 0 Comentários

A Venezuela lidera o ranking de importação de arroz brasileiro este ano, até novembro. O país importou do Brasil 36.562 toneladas (base casca) em janeiro, 38.536 toneladas em fevereiro, 23.560 toneladas em março, 32.123 toneladas em abril, 35.195 toneladas em maio. Em junho, houve um recuo nas compras, para 4.186 toneladas. Em julho, as compras foram de 7.666 toneladas e, em agosto, de 13.358 toneladas. Em setembro a aquisição foi de 11.540 toneladas e, em outubro, de 8.974 toneladas. Em novembro, as compras foram de 34.855 toneladas. No total, o Brasil exportou 1.186.697 toneladas de arroz nos primeiros onze meses de 2019. O total importado pela Venezuela, de 246.555 toneladas corresponde a 20,8% do total exportado pelo Brasil neste ano, até novembro.

O Senegal ocupa a segunda posição entre os principais compradores do Brasil em 2019, até novembro. O país adquiriu 10.292 toneladas em janeiro, mas não efetuou compras em fevereiro. Em março, as aquisições foram de 21.873 toneladas; em abril, 32.352 e, em maio, as compras avançaram para 52.931 toneladas. Em junho, o país não efetuou compras do produto brasileiro. Em julho, as compras avançaram para 32.323 toneladas. Porém, em agosto e setembro o país não efetuou compras do Brasil. Em outubro, as compras avançaram para 45.566 toneladas e, em novembro, a aquisição foi 7.054 toneladas. O total adquirido pelo Senegal nos primeiros onze meses de 2019 é de 202.391 toneladas, o que corresponde a 17,1% do total vendido pelo Brasil ao exterior em 2019, até novembro.

O Peru ocupa a terceira colocação entre os compradores de arroz brasileiro nos primeiros onze meses deste ano. O Peru importou 9.729 toneladas (base casca) em janeiro; 8.824 toneladas em fevereiro; 16.520 toneladas em março. Em abril, a importação foi de 16.157 toneladas e, em maio, de 10.714 toneladas. Em junho, as compras foram de 15.204 toneladas e, em julho, de 8.736 toneladas. Em agosto, as compras foram de 12.107 toneladas e, em setembro, de 12.196 toneladas. Em outubro, o país adquiriu 10.918 toneladas e, em novembro, 12.739 toneladas. O volume importado pelo Peru, de 133.944 toneladas, representa 11,3% do total exportado pelo Brasil este ano, até novembro.

Gâmbia, ocupa a quarta posição tendo importado 1.173 toneladas em janeiro. Em fevereiro, as compras avançaram para 26.516 toneladas. Em março, as compras recuaram para 676 toneladas. Em abril, houve novo avanço, para 27.511 toneladas. Em maio, o país adquiriu 1.090 toneladas. Em junho, o país não efetuou compras do Brasil. Em julho, as compras foram de 11.766 toneladas. Em agosto, houve nova aceleração, para 26.271 toneladas. Em setembro e outubro, o país não efetuou compras do produto brasileiro. Em novembro, a aquisição avançou novamente para 24.998 toneladas. O total exportado para Gâmbia, de 120.201 toneladas representa 10,1% das vendas brasileiras nos onze primeiros meses de 2019. Fonte dos dados: Secex.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques

CORIPIL
  • LinkedIn CORIPIL
  • Instagram CORIPIL
  • Facebook CORIPIL
  • WhatsApp CORIPIL
CORIPIL

CORIPIL - COOPERATIVA RIZÍCOLA PITANGUEIRAS LTDA.
Av. Adrião Monteiro, 1466 - Capivari do Sul - RS - CEP 95.552-000
Fone: +55 (51) 3685-1177 - Cel.: +55 (51) 98151-7328
E-mail: coripil@coripil.com.br
CNPJ: 96.300.082/0001-69 - Insc. Est.: 433/0000058

SAC Coripil
  • LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook
  • WhatsApp